Dia 9, Plenária pela Democracia organiza resistência à tentativa de fraude eleitoral

A Frente Brasil Popular vai realizar no próximo dia 9 (terça-feira), no Sindicato dos Bancários do Rio, um evento aberto para organizar as caravanas que vão a Porto Alegre no próximo dia 24 de janeiro e outras mobilizações contra a tentativa de violação do processo eleitoral. A Plenária pela Democracia defende o direito de Lula concorrer às eleições, com o fim das perseguições ao ex-presidente petista, posiciona-se contra a retirada de direitos e por um Brasil livre e soberano.

No ato, a Frente vai distribuir material e preparar o Carnaval pela Democracia, já marcado para dia 13 de janeiro na Praça XV, além de atos no Rio para quem não for ao Rio Grande do Sul no dia 23. O Sindicato dos Bancários fica na avenida Presidente Vargas, 522, 22º andar, e o início da Plenária está marcado para 18h30.

Mobilizações em várias cidades do país – atos políticos, distribuição de material informativo, ou aulas públicas que envolvam a denúncia da perseguição a Lula – vão acontecer no próximo dia 13. E uma vigília nacional também está programada para o dia 23, véspera do julgamento do recurso de Lula no TRF-4, do Rio Grande do Sul, que contará com grande concentração de manifestantes em Porto Alegre.

Ativismo político no Judiciário

No último dia 3 de janeiro, a chefe de gabinete do TRF-4, Daniela Tagliari Kreling Lau, compartilhou em seu perfil no Facebook abaixo-assinado pedindo a prisão de Lula. Em vídeo distribuído nas redes, a senadora Gleisi Hoffmann declarou-se “indignada” com o gesto, que, segundo ela, indica o “inaceitável” “ativismo político” no Judiciário brasileiro.

A falta imparcialidade do julgamento de Lula, destinada a impedir a sua candidatura à Presidência em 2018 – líder nas pequisas de opinião – também foi denunciada no manifesto “Eleição sem Lula é fraude”, lançada no último dia 19, e que já conta com mais de 140 mil assinaturas, entre as quais as do filósofo norte-americano Noam Chomsky, do compositor e escritor Chico Buarque, dos escritores Raduan Nassar e Milton Hatoum, dos jornalistas Hildegard Angel e Mino Carta, do jurista Fábio Konder Comparato, do economista e ex-ministro Luiz Carlos Bresser-Pereira, entre outros.

Clique aqui para confirmar presença na Plenária pela Democracia

E confira neste link o Manifesto Eleição sem Lula é fraude

 

Você pode gostar...