Tag: Política

Soberania em Debate recebe o deputado Wadih Damous nesta 6a.feira (13), às 15h, com transmissão ao vivo

O Soberania em Debate recebe o deputado federal Wadih Damous (PT-RJ) nesta sexta-feira (13), às 15h, para entrevista que será transmitida ao vivo na página do SOS Brasil Soberano no Facebook, aberta a perguntas. Damous, junto aos também deputados Paulo Pimenta (PT-RS) e Paulo Teixeira (PT-SP), impetrou o Habeas Corpus para tirar Lula da prisão no último domingo (8). O ato jurídico gerou um mar de ilegalidades jamais vistas no país. Wadih vai falar do “método fascista de julgar e investigar” da Lava Jato. Para ele “não há no mundo precedente como esse, em qualquer democracia”.

Leia mais »

Joel Birman: a subjetividade marcada pelo fascismo na sociedade contemporânea

O psiquiatra Joel Birman, professor de psicologia na UFRJ e um dos mais importantes intelectuais brasileiros, aponta as formas de subjetividade marcadas pelo fascismo na contemporaneidade. Por exemplo, a fúria presente na sociedade brasileira, desde o segundo turno das eleições presidenciais de 2014. Birman também atua numa linha de pesquisa interdisciplinar em psicanálise e filosofia no Collège International de Philosophie em Paris. Segundo ele, “a direita mostra a cara novamente”. E é brutal.

Leia mais »

Caos, descrédito, precipício, inimizade, vingança: a mídia internacional repercute o Judiciário no caso do HC de Lula

O principal efeito da disputa jurídica travada no domingo (8) para manter preso o ex-presidente Lula a qualquer custo foi a desmoralização pública do Judiciário brasileiro, de acordo com as reportagens publicadas pela imprensa internacional. The New York Times, El País, Le Monde, entre outros, destacam a desordem legal gerada pelas ordens e contra-ordens com relação ao habeas corpus concedido pelo desembargador Rogério Favreto a Lula. A intervenção do juiz Sérgio Moro, de férias, para impedir a soltura do ex-presidente foi considerada “vingança” pelo historiador Rui Tavares, no jornal português Público. Para o El País, Moro é o “inimigo número 1” de Lula e, para o argentino El Clarín, o comportamento do Judiciário desestabiliza a democracia brasileira.

Leia mais »

Mais de cem juristas denunciam ameaça à liberdade e à democracia no descumprimento do Habeas Corpus de Lula

Mais de cem juristas, junto à Associação Brasileira de Juristas pela Democracia, divulgaram nota pública em defesa “das instituições democráticas e a ordem jurídica”, ameaçadas pelo desrespeito à decisão do desembargador Rogerio Favreto que, no dia 8, atendeu pedido de Habeas Corpus e determinou a soltura do ex-presidente Lula. Os signatários do documento entendem que o juiz Sérgio Moro e o desembargador Gebran Neto não tinham competência para contestarem decisão de Favreto. Revelam “indisfarçável interesse na causa, o que os torna suspeitos” para atuarem na causa contra o ex-presidente.

Leia mais »

Pastoral do migrante protesta contra visita do vice-presidente dos EUA ao Brasil

O Serviço Pastoral do Migrante Nacional junto com Serviço Pastoral do Migrante da  Arquidiocese de Manaus e Congregação Scalabriniana, religiosos e religiosas, manifestam indignação e tristeza com a “visita” do vice-presidente norte-americano Mike Pence, que representa um governo que constrói muros, separa crianças de seus pais e que pretende se apresentar ao mundo como “defensor de migrantes e refugiados”. Esse gesto do governo Trump está longe de ser humanitário e de preocupação com os direitos humanos, mas nos remete a uma política de controle e colonialismo constante dos EUA com a América Latina. (Leia a nota completa)

Leia mais »

Entrevista completa com Breno Altman sobre a nova ordem mundial

O jornalista Breno Altman, fundador e diretor do site Opera Mundi, foi entrevistado por Camila Marins no Soberania em Debate, promovido pelo SOS Brasil Soberano, no dia 24 de maio. O tema foi a nova ordem mundial, que busca subordinar os países ao hiperliberalismo. Ele também analisou a paralisação dos caminhoneiros, uma mistura, na sua opinião, de greve com locaute, vinculada a uma pauta pertinente — o aumento dos preços dos derivados de petróleo — mas liderada pela direita.

Leia mais »