Autor: Verônica Couto

Para a OAB-RJ, prisão de advogada em Caxias revela avanço da força e da abritrariedade no Judiciário e na sociedade

Para a OAB-RJ, a agressão à advogada Valéria Lúcia dos Santos, que foi algemada e detida por PMs durante exercício da profissão, no Juizado Especial de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, é um reflexo do avanço da violência e do uso da força no Judiciário e na sociedade. A OAB-RJ vai entrar com ação contra a juíza que determinou e contra os policiais que prenderam a bacharel. Fará, ainda, ato público de Desagravo, na porta do JEC Caxias, no próximo dia 17 (segunda-feira), às 15h.

Leia mais »

Manifesto das pastorais sociais aponta programa mínimo para novo presidente

As pastorais da Igreja Católica divulgaram um programa político de referência e orientação para as eleições de outubro, no sentido de fortalecer a cidadania e o bem comum. São nove itens, entre os quais a revogação da reforma trabalhista, das privatizações e da Emenda Constitucional 95 , que congela os investimentos sociais por 20 anos. Assinam 13 pastorais católicas ligadas a movimentos sociais e de trabalhaores.

Leia mais »
Featured Video Play Icon

Soberania em debate com Reimont Otoni e Waldeck Carneiro

O programa Soberania em Debate, do Movimento SOS Brasil Soberano, reuniu o vereador Reimont Otoni (PT-RJ) – que vai buscar uma vaga na Câmara Federal – e o deputado estadual Waldeck Carneiro – que tentará a reeleição. A entrevista é parte da série especial Debates antifascistas – construindo maioria democrática, que convida candidatos do campo progressista para discutir a conturbada conjuntura política do país e as eleições que se aproximam. O encontro aconteceu no dia 17 de agosto, transmitido ao vivo pela página do SOS Brasil Soberano no Facebook.

Leia mais »

O incêndio do Museu Nacional deflagrou nova ameaça: a campanha pela privatização dos acervos

Na noite da terça-feira, dia 4 de setembro, ainda havia focos intermitentes de fogo nos escombros do Museu Nacional, destruído do domingo (2) por um incêndio, e o ministro da Cultura, Sérgio de Sá Leitão, já defendia no Jornal Nacional a privatização não só do museu queimado mas de todos os museus sob gestão federal. “Vamos nos dedicar a uma proposição legislativa sobre esse assunto”. O assunto, no caso, seria a transferência da gestão dos museus das universidades para Organizações Sociais (OS’s).

Leia mais »

Advogados de Lula recorrem ao STF e novamente à ONU em defesa da sua candidatura

Os advogados de Lula protocolaram nesta terça (4) recurso extraordinário no Supremo Tribunal Federal, com pedido de liminar na esfera eleitoral e criminal para que o ex-presidente tenha direito de registrar sua candidatura dentro dos dez dias dados pelo TSE para substituição do seu nome pelo de Fernando Haddad na disputa das eleições presidenciais. Segundo o deputado federal Wadih Damous (PT_RJ), o partido denunciou ontem (3) na ONU a desobediência do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que rejeitou a determinação do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas para que Lula pudesse participar da campanha, mesmo preso, até que fossem julgados os últimos recursos do processo.

Leia mais »

Morre o geneticista italiano que provou que as raças não existem

Luigi Luca Cavalli Sforza, autor de “Quem somos? História da diversidade humana”, morreu aos 96 anos, em Belluno, na Itália. Responsável pela elaboração do primeiro atlas genético da humanidade, seu principal legado científico foi a revelação de que as raças não existem. Ao estudar os fatores que determinaram a diferente distribuição dos grupos sanguíneos nas populações e o cromossomo Y , comum a todos os machos biológicos, permitiu que as pesquisas com DNA confirmassem a teoria “Out of Africa”. Ou seja, que os primeiros hominídeos deixaram a África há 100.000 anos para colonizar o resto do planeta. A genética das populações produziu uma “árvore genealógica” da humanidade, mostrando que sempre foi formada por migrantes que se misturam.

Leia mais »