Atos pela liberdade de Lula acontecem em mais de 10 países da Europa e América Latina

Ato pela liberdade de Lula na Suíça – Foto: Portal da CUT

Atos em defesa da liberdade do ex-presidente Lula aconteceram em vários países, junto a manifestações de 1º de Maio. Houve mobilizações por #LulaLivre em Cuba, Cidade do México, Zurique e Genebra (Suíça), Montevidéo (Uruguai), Gotemburgo e Estocolmo (Suécia), Bruxelas (Bélgica), Berlim, Colônia e Hamburgo (Alemanha), Lisboa (Portugal), Milão (Itália), Toronto (Canadá), Nova York (EUA), Copenhague (Dinamarca), Barcelona (Espanha), Buenos Aires (Argentina).

Em Genebra, trabalhadoras e trabalhadores foram às ruas protestar contra a prisão injusta do ex-presidente Lula, que vem sendo mantido como preso político na sede da Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, Paraná, desde o dia 7 de abril. Na Suécia, o Dia do Trabalhador e da Trabalhadora em Gotemburgo, também teve pedido por #LulaLivre. Ainda na Europa, na cidade de Milão, brasileiros radicados naquele país participaram de ato pela liberdade de Lula e pela volta dos direitos dos trabalhadores e das trabalahdoras.

Na América Latina, se solidarizam a Lula os cubanos, chilenos, mexicanos, uruguaios, argentinos.

Confira as imagens no link do Portal da CUT: https://www.cut.org.br/noticias/atos-por-lula-livre-ocorreram-em-paises-da-europa-e-america-latina-6788

 

 

Você pode gostar...